O governo federal deu o OK e a Copa América-2021 está oficialmente confirmada para o Brasil. Havia ainda uma pendência, a autorização do presidente Jair Bolsonaro, e isso foi confirmado no fim da tarde desta terça-feira através de um twitter do Ministro da casa civil, Luiz Eduardo Ramos.

O evento, previsto para começar em 13 de junho, terá quatro sedes: Mato Grosso (Arena Pantanal), Rio de Janeiro (Maracanã), Distrito Federal (Mané Garrincha) e Goiás (Serra Dourada). Os jogos e as datas ainda serão confirmadas pela Conmebol.

Entenda a Copa América no Brasil

A Copa América tinha como sede a Argentina e a Colômbia e seria realizada em 2020, mas foi adiada para 2021. Há duas semanas, a Colômbia informou a desistência da competição por causa dos distúrbios civis no pais. A Argentina passaria a ser a única sede. Porém, no último domingo (30/5), o ministério do interior da Argentina disse que seria muito difícil de ser realizada no país por causa do aumento de casos de Covid-19. Horas depois a Conmebol confirmou a desistência da Argentina e que estudava propostas de dois países, Paraguai e Brasil.

Na manhã da segunda-feira, a Conmebol confirmou que o Brasil seria a sede, mas o governo federal não deu o 100%, o que ocorreu apenas no fim da tarde desta sexta-feira. Porém, vale citar que é provável que a oposição ao governo entre com mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal para a não realização dos jogos. Vai se basear no artigo 196 da Constituição (que versa sobre a saúde), citando que uma competição que causa aglomeração num país com quase 500 mil mortes por Covid-19 pode piorar ainda mais os números.

Retirado de: Jogada 10


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui