Léo Duarte e Gabigol durante treinamento na Gávea (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Conhecido por revelar diversos talentos nas categorias de base, o lucro proveniente de negociações de jovens que iniciaram carreira no Ninho tem sido recorrente no Flamengo. Entre nomes como Reinier, Lucas Paquetá e Vinícius Jr., Léo Duarte é um dos jogadores que poderão gerar novos lucros ao rubro-negro.

Em 2019, o zagueiro foi vendido ao Milan por 10 milhões de euros (R$ 44 milhões na cotação da época). No entanto, o defensor não conseguiu se firmar no clube italiano e acabou sendo emprestado ao Basaksehir no início deste ano.

Diferentemente do que ocorreu na equipe anterior, o jogador se adaptou com facilidade ao novo time e tem bom desempenho desde sua chegada. Levando este fato em consideração, o clube turco, que possui contrato de empréstimo vigente até o meio de 2022 com o atleta, já sinalizou que exercerá a opção de compra do jovem.

O valor previsto pela transferência do zagueiro é de 5,5 milhões de euros (R$ 33,8 milhões na cotação atual). Desta forma, o Flamengo, por ser o time de formação de Léo Duarte, receberá 2,68% do montante. A quantia a ser recebida será de 147 mil euros (R$ 904 mil, na cotação atual). A informação foi divulgada inicialmente pelo jornalista Venê Casagrande.

Pelo Flamengo, o atleta atuou em 92 jogos e marcou dois gols. Posteriormente, ele jogou duas temporadas pelo Milan, totalizando apenas 9 partidas pelo clube italiano. No entanto, desde que chegou ao Basaksehir, o zagueiro já foi a campo em 21 confrontos, sendo 16 como titular.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui