Flamengo é denunciado à Procuradoria de Justiça Desportiva de SP

Jogadores do Flamengo em partida contra o Floresta pela Copinha 2022 (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

O Flamengo iniciou sua participação pela Copinha de 2022 na semana passada, e já entrou em campo duas vezes desde então. Até agora, ambos os confrontos terminaram em goleadas rubro-negras, rendendo ao Mais Querido o saldo de 14 gols.

Sem sofrer um gol sequer, os Garotos do Ninho defendem o Manto Sagrado com 100% de aproveitamento e garantem boas perspectivas para a sequência no torneio.

No entanto, uma outra questão pode atrair os holofotes ao Fla por um motivo bastante diferente. O Grupo Arco-Íris denunciou o Flamengo à Procuradoria de Justiça Desportiva do Estado de São Paulo por não usar a camisa de número 24 na Copinha. O caso é tido como prática homofóbica pelo grupo, e pode trazer eventuais consequências ao clube, dependendo da decisão dos poderes judiciais sobre a situação.

A informação inicial é do colunista Ancelmo Gois, do jornal “O Globo”. A denúncia ainda será apurada e julgada conforme determinar a Justiça do Estado de São Paulo.

Enquanto isso, os jovens da base se preparam para voltar a campo nesta terça-feira (11), quando enfrentarão o Oeste, pela última rodada da fase de grupos da competição. A partida ocorrerá às 21h45 (horário de Brasília), e será transmitido pelo canal SporTV.


Relacionadas

- Advertisement -

Últimas Notícias